Documento sem título
 
 
 
     
Documento sem título
Índice Ultravioleta
 
AlmaNews
 
Notícia - A proteção solar durante a gravidez A proteção solar durante a gravidez

A proteção solar durante a gravidez é fundamental, pois a pele se torna mais sensível. É comum que exista hiperpigmentação ou aumento da melanina presente na pele.

Portanto, detalhes como manchas, pintas ou cicatrizes que antes passavam despercebidas, agora poderão ser mais notadas.

A melanina, o pigmento natural da pele, se produz em maior quantidade durante o período da gravidez.

Até o momento não se conhece a causa exata dessa superprodução de pigmento na pele. Uma maior quantidade melanina nos deixa mais propensos a sofrer manchas cutâneas, ou o conhecido “melasma da gravidez”.

Manchas e marcas na pele

A pele da mulher grávida, especialmente na área da barriga, está exposta a mudanças drásticas.

O aumento de melanina escure a cor de pintas, manchas e cicatrizes. A cor da linha que atravessa a barriga desde o umbigo até o púbis também escurece.

As áreas dos mamilos, axilas e dobras do pescoço, da mesma forma, tornam-se mais escuras.

E, mesmo que seja uma manifestação que deveria desaparecer logo após o parto, a proteção solar durante a gravidez pode ajudar a situação não permanecer.

Nessa etapa, notam-se mais a manchas que aparecem no rosto, logo depois de uma longa exposição ao sol.

Ademais, não só se trata de proteger a pele por estética. A insolação, além de gerar lesões e queimaduras, pode produzir enjoos e febre, situações que a grávida deve evitar.

Também é importante proteger a área da barriga e os seios durante o período da gravidez, pois estes costumam aumentar drasticamente de tamanho.

Este último provoca a aparição de marcas e estrias. Esta possibilidade se minimiza se a pele está hidratada e protegida, assim poderá se esticar com menos consequências.

A pele após se bronzear pode ficar seca e perder flexibilidade, por isso aumentam-se as chances de ficarem marcas.

Além disso, caso não se possa evitar as estrias, se não as expomos ao sol, não serão nem mais claras ou escuras do que a pele da mãe, e poderão ser dissimuladas.

Proteção solar durante a gravidez

Existem dois tipos de raios UV dos quais devemos nos proteger. Os UVA, que bronzeiam, mas são perigosos, pois penetram profundamente na pele.

E os raios UVB, que penetram menos na pele, porém causam queimaduras. Nesse caso, a proteção solar durante a gravidez deve proteger de ambas radiações, a fim de correr menos riscos.

O fator de proteção solar (FPS ou SPF) determina quão forte é a defesa da pele ante os raios UVB, mas não ante os UVA.

Portanto, no momento de escolher um protetor solar, é importante observar se conta com um amplo espectro de proteção para ambos tipos de raios ultravioleta.

Outras precauções

Ainda que seja recomendado o uso de protetor solar durante todo o ano, as grávidas devem tomar precauções especiais na hora de se expor ao sol, como por exemplo:

- Utilizar protetores solares com mais de 30 FPS autorizados pelo médico.

- Verificar se o protetor solar seja de amplo espectro.

- Escolher um protetor solar que seja resistente à água e ao suor.

- Proteger-se com chapéus e óculos.

- Tentar permanecer o maior tempo possível na sombra.

- Evitar longas exposições ao sol, tanto para proteger a pele como para evitar enjoos e desmaios.

- Não se expor ao sol durante o meio-dia.

- Aplicar o protetor solar a cada hora ou logo após se banhar na piscina ou praia.

Ainda que muitas vezes demos como certo a proteção e saúde da pele, devemos dar a importância merecida.

Expor-se ao sol indiscriminadamente causa envelhecimento, rugas, manchas, queimaduras e até mesmo câncer.

Também recomenda-se incluir o uso de protetor solar durante todo o ano, não só no verão.

Em todo momento devemos nos cuidar dos raios de sol e das consequências que a superexposição pode trazer.

Com estas recomendações, poderá ter um lindo e saudável bronzeado que aumente seu “brilho de grávida” e passar um verão inesquecível.

Além disso, graças à proteção solar durante a gravidez sua pele não ficará com manchas tão difíceis de atenuar ou eliminar.

Fonte: Melhor com Saúde

 
Documento sem título
 
Faça sua busca:
 
Almaderma

História
Nossos Princípios
Lojas
Espaço Café
 
Canais

Delivery
Convênios

Sustentabilidade

Descarte de Medicamento
 
Produtos

Cosmética e Beleza
Florais
Nutracêuticos
Nutrição
Nutricosmético
Saúde
 
Saúde

Índice Ultravioleta
Newsletter
 
Atendimento

Orçamento Online
SAC
Fale com o Farmacêutico
Fale com o Diretor
Trabalhe Conosco
 
A Almaderma apóia:
Alquimilla Farmácia de Manipulação Eireli EPP - CNPJ: 69.313.286/0001-61 - CVMS: 352590401-477-000062-1-1 - AFE: 0.21148.4 - AE: 1.33944.1 - Rua Jorge Zolner, 455 - CEP13201-039 - Jundiaí/SP - Telefone: (11)4583-2222 - Email: marketing@almaderma.com.br - Farm.Responsável: Heloisa Cristina Menegassi Aguiar Gomes - CRF-SP 50.330. Almaderma Farmácia de Manipulação Eireli EPP - CNPJ: 00.873.312/0001-00 - CVMS: 352590401-477-000069-1-2 - AFE: 7.39291.2 - AE: 1.3384436 - Rua Anchieta, 259 - CEP13201-804 - Jundiaí/SP - Farm.Responsável: Ana Paula Gonzalez Pires - CRF-SP 32.446. Nenhuma parte deste website pode ser reproduzido sem nossa permissão escrita. Qualquer dúvida sobre os produtos divulgados em nosso site, contate nosso atendimento ao cliente. Os medicamentos sob prescrição só serão dispensados mediante apresentação da receita ou envio pelo Site, Aplicativo, Fax, E-Mail ou Whatsapp. É proibido comercializar medicamentos controlados por meio remoto. Medicamentos podem causar efeitos indesejados. Evite a automedicação: informe-se com o farmacêutico. Copyright © 2012 - Produzido por FrameSet